6 dicas para conquistar o controle financeiro

6 dicas para conquistar o controle financeiro

Muita gente ainda é refém das planilhas do excel quando se fala de controle financeiro. Mas cuidar do próprio dinheiro pode ser simples e a gente vai te provar isso, se liga nas dicas:

1.Reúna todas as contas a pagar e a receber

Esse passo parece muito simples, mas se você não fizer, nada acontece. Reúna todas as contas que você paga, e não esqueça da fatura do cartão, ok? Lá pode ter contas parceladas que você não lembra.

Uma vez que você tenha todas essas contas em mãos, coloque em ordem de vencimento: as que vencem primeiro sempre devem ficar em cima.

2.Lance os seus recebimentos e gastos

Depois de colocar todas as suas contas em ordem, você “lança” elas em algum suporte da sua preferência (papel, word, ou até, a tão temida planilha de excel). Na sequência, você vai simplesmente escrever a conta que você vai pagar, o dia que ela vence, e o valor, acrescentado todos os recebimentos que você tem.

O “pulo do gato” é: não lance o valor bruto do seu salário, porque não é ele que não chega nas suas mãos. Foque no valor líquido que você recebe mensalmente.

Para quem trabalha por conta própria e o valor mensal varia, é preciso pegar as anotações dos últimos quatro ou seis meses, olhando no valor médio que você recebe, com o objetivo de fazer uma projeção para os meses seguintes. Ou seja, de um lado você anota tudo que você tem para pagar, e no outro tudo o que você tem para receber.

3.Faça um diagnóstico das suas finanças

Some tudo que você tem pra receber, e tudo que você tem para pagar. Saber o diagnóstico é ver se está faltando dinheiro ou sobrando. Nesse momento você tem que ter muito cuidado: muita gente ao somar o valor de todas as contas a pagar, percebe que deveria estar sobrando dinheiro. E é aí que a gente entra na dica quatro!

4.Anote os gastos arbitrários!

Os gastos arbitrários são aqueles que você não coloca no seu orçamento, mas que levam o seu dinheiro embora. Por exemplo: o uber de 6 reais para a esquina e o salgado de dois reais que você compra no trabalho. O gasto extra é o grande vilão do seu orçamento, são pequenos valores que vão embora sem você perceber!

Então, como ter controle disso? Anotando tudo e conferindo sempre o que você escreveu!

5.Dê uma geral nas suas contas

Depois de anotar os gastos extras e se conhecer como consumidor, é possível gastar menos dinheiro com mais uma diquinha: analise suas contas!

Dê uma lida no que você tem a pagar e comparece com o seu orçamento. Por exemplo, digamos que você ganhe R$1000,00, e sua conta de telefone está R$200,00. Isso é 20% do seu salário, é muita coisa! Dessa forma, você já verifica que precisa diminuir sua frequência de uso do celular. Não esqueça de fazer isso em todos os seus custos, pensando no que você pode reduzir!

6.Torne-se um investidor

Antes de pagar as contas do mês que vem, se pague primeiro. Ou seja, antes de gastar, você vai separar um valor. Mas claro, isso se for possível, se sobrar algum valor após seguir os 5 passos anteriores.

Digamos que no mês passado você conseguiu economizar R$ 100, você separa esse mesmo valor no mês atual. Parece pouco, mas pare para pensar: se você fizer isso todo mês, ao final do ano você vai ter R$1.200 reais!

Open chat